Olá!

Na semana passada, contei um pouco sobre o início do desenvolvimento de uma coleção. Hoje, vou escrever  sobre a influência da tendência dentro de um produto.

A tendência de cores da moda surge geralmente três anos antes da estação (por exemplo, hoje já estão trabalhando nas cores do verão 2020), e é norteada pela indústria química, responsável pelos corantes e cores. É necessário que eles iniciem o processo tanto tempo antes para que todos da cadeia têxtil tenham tempo suficiente de desenvolver seus produtos.

Os tecidos geralmente são melhorias da coleção anterior e estão diretamente ligados a necessidade dos consumidores e tecnologias disponíveis (por exemplo, tecidos com produtos em suas fibras para reduzir celulite).

Com os tecidos, cores e texturas definidos, os estilistas já tem em mente as possibilidades de produtos que podem ser feitas. Geralmente a tendência de modelos é lançada e, só acaba efetivamente acontecendo ao consumidor duas estações depois que foi lançada. É o caso das transparências, que estão aparecendo em desfiles desde 2015 e, só neste inverno vemos nas ruas e lojas.

As tendências de modelo são trazidas por bureau de estilo especializados (moda infantil, beachwear, masculino, juvenil etc). A evolução da própria sociedade entra nesta análise de modelos. O site WGSN é especialista neste tipo de análise de comportamento e, fornece para várias empresas de consumo informações valiosas sobre a nossa sociedade.

Outra forma de construir uma coleção é através da pesquisa de imagens. Essas imagens geralmente estão atreladas ao tema escolhido para a coleção. Neste momento, vale pesquisar em revistas, internet e até visitar o tema da coleção (quando nos inspiramos em algum lugar especifico).

Beijos,

Fernanda – diretora criativa Zannt Beachwear

*Imagem retirada do site WGSN

Autor fezanuto